Hospedagem de Sites com cPanel, Domínio, Emails, PHP, Mysql, SSL grátis e Suporte 24h

9 coisas que os homens precisam saber sobre as....

9 coisas que os homens precisam saber sobre as....

http://img.comunidades.net/egn/egnoticias/Camisinha_Feminina1_1024x683.jpg

9 coisas que os homens precisam saber sobre as camisinhas femininas

 


Quando o assunto é proteção na hora do sexo, todo mundo sabe que a camisinha é uma opção acessível e eficaz. A camisinha feminina, no entanto, ainda não é tão popular quanto a masculina, apesar de ter uma série de benefícios.

Se é misteriosa até para as mulheres, para homens pode ser ainda mais estranha. Mas ao conhecer as vantagens do preservativo, o mistério se esvai e é possível perceber que existem benefícios até melhores que o da camisinha tradicional.

Conheça alguns fatos sobre o preservativo feminino e aposte no uso dessa alternativa durante as relações sexuais com sua parceira.

1 – Oferece mais proteção

Assim como a camisinha masculina tradicional, a feminina evita a gravidez a transmissão de doenças sexualmente transmissíveis. No caso da feminina, por cobrir uma área maior da vagina, existe mais eficiência pra evitar o contato genital direto e proteger de doenças como herpes, HPV e outras verrugas.

2 – Não precisa interromper a relação

Quem já foi para a cama e precisou parar aquele amasso mais quente para que a camisinha fosse colocada sabe como isso pode esfriar o clima. A camisinha feminina, porém, pode ser colocada até 8 horas antes e ainda manter e eficiência, sem oferecer riscos para a mulher. Quando estiver na hora H, não vai ser necessário mais fazer nenhuma pausa para pensar na proteção.

3 – É menos sensível

Quantas vezes você já não ouviu o argumento de que usar camisinha é ruim porque diminui a sensibilidade dos órgãos genitais? Esse problema pode ser resolvido com a alternativa da camisinha feminina, que é mais fina e não aperta o pênis, permitindo mais liberdade e mais sensibilidade para o homem e para a mulher.

4 – Pode ser usada por alérgicos

A camisinha comum pode ser um problema para quem tem alergia a látex, já que o material é a base dos preservativos. Na camisinha feminina, porém, a borracha nitrílica é utilizada. O material não provoca a alergias e ainda vem com uma lubrificação mais forte que da camisinha masculina.

5 – É mais resistente

Apesar de oferecer uma sensação de menos rigidez durante o ato sexual, a camisinha feminina é mais resistente do que a masculina. Por ser feita de poliuretano, que é mais forte que o látex usado no preservativo masculino, a camisinha tem menos chances de falhar na prevenção contra gravidez.

6 – Pode ser mais estimulante

 

Por ficar com uma parte para fora da vagina, para permitir a penetração, a camisinha feminina pode ajudar no estímulo da mulher. Ao gerar atrito na região do clitórias, o preservativo gera mais prazer e pode contribuir para uma melhor relação sexual entre o casal.

7 – Pode ser usada no período menstrual

Mesmo que seja colocada dentro da vagina, a camisinha feminina pode ser utilizada normalmente enquanto a mulher está menstruada. O preservativo, inclusive, mantém os órgãos sexuais do casal mais protegidos do que o tradicional masculino dos fluidos liberados no período, preservando a saúde e higiene durante o sexo.

8 – Não precisa ser retirada imediatamente
PATH staffer Cristina Butler holding a Woman's Condom female condom.

Após o fim da relação sexual, a camisinha masculina deve ser retirada, já que está apertando o pênis, pode vazar e prejudica a saúde do homem. A camisinha feminina, por outro lado, pode esperar um pouco mais, e não precisa sair imediatamente. É importante que a mulher tenha atenção e cuidado na remoção, para que não vaze nada para fora do preservativo.

9 – Não pode ser utilizada com a masculina

Antes do casal começar o ato sexual com proteção, é importante que só um dos dois esteja utilizando. O atrito da camisinha masculina com a feminina pode ser perigoso. O atrito entre os materiais dos dois preservativos pode causar o rompimento das borrachas e mandar a proteção por água abaixo.

Parece que apesar de menos popular, a camisinha feminina pode ser tão – ou até mais – eficiente que a masculina. Agora que você já sabe de tantas vantagens, pode experimentar essa outra forma de proteção e variar a sua vida sexual sem precisar arriscar a saúde.

 

Fonte: http://www.fatosdesconhecidos.com.br/